Insira um termo para a pesquisa e pressione Enter

Um plano de 4 pontos para flexibilidade no trabalho

22 novembro 2017 / Experiência dos funcionários

“Eu nunca fui de trabalhar em um escritório. A maior parte do meu trabalho é feita remotamente”, disse … Sir Richard Branson.

Isso mesmo.

Um dos empreendedores de maior sucesso do mundo é um fervoroso defensor da flexibilidade no trabalho, tanto para ele mesmo quanto para seus funcionários.

Ele acredita que as empresas que continuam a adotar o estrito horário comercial de trabalho das 9h às 17h dentro do escritório “estão ficando para trás”.

Com base no ponto de vista de Richard Branson, apresentamos aqui um plano de ação para ajudar você a se manter na linha de frente:

Momentos decisivos

Treine os gerentes para que eles entendam o significado do trabalho flexível para seus funcionários. Significa um dia trabalhando de casa? Sair mais cedo? Um tempo maior para o almoço? Flexibilidade tem significados diferentes para pessoas diferentes e uma sugestão pode não ser boa para todas as pessoas. Compreenda o significado de flexibilidade para cada funcionário e o que e como alguma coisa pode ser boa para eles.

Benefício triplo

Compreenda que a flexibilidade no trabalho precisa funcionar de 3 maneiras: precisa funcionar para a empresa, para a equipe e também para a pessoa. No final, ela deve ajudar as três partes a apresentar o mesmo nível de desempenho ou superior. Faça com que essa meta fique clara desde o começo.

Saúde + Segurança

Você sabia que trabalhar de casa precisa ser tão seguro quanto trabalhar em um escritório? Crie uma lista de verificação para ajudar os seus funcionários a garantir a segurança.

Comunicação

Não estar no escritório não deve impedir que as pessoas que estiverem atinjam suas metas, portanto, faça com que os funcionários criem uma presença virtual. Incentive reuniões virtuais, a colaboração e o compartilhamento de ideias dentro dos parâmetros de flexibilidade. A comunicação é a chave para o sucesso.

Para mais informações, baixe o  nosso artigo sobre engajamento dos funcionários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *